quinta-feira, 6 de outubro de 2016

No Setembro Amarelo, Espaço da Arte promove espetáculo sobre bullying e suicídio

Apresentações já ocorreram em diversas cidades, incluindo Porto Alegre, e serão realizadas amanhã (28/9), em Bom Princípio, para estudantes da rede municipal de ensino.

 


O mês de setembro é dedicado a uma importante campanha: a luta contra os altos índices de suicídio. O Movimento Setembro Amarelo tem como objetivo direto alertar a população a respeito da realidade do suicídio no Brasil e suas formas de prevenção. Dentro dessa temática, o Espaço da Arte, com o grupo Espanto XI, encena o espetáculo 40 Segundos, que busca sensibilizar a plateia para o bullying e o suicídio.

Considerados dois dos mais graves problemas da infância e adolescência na atualidade, o bullying e o suicídio, em muitos casos, têm ligação direta entre si. Depois de passagens por cidades como Lajeado e Porto Alegre, onde foi apresentada na Casa de Cultura Mario Quintana, a peça 40 Segundos será encenada em Bom Princípio amanhã (quarta-feira, 28/9), com duas sessões voltadas a estudantes das escolas municipais e estaduais da cidade. As apresentações serão no Centro de Cultura, às 9h e 14h.

O grupo Espanto XI é composto por 20 adolescentes, com até 18 anos, e reúne-se uma vez por semana para as aulas de teatro na Casa de Cultura de Estrela, sob coordenação do professor Fernando Tepasse. Essa unidade existe há 11 anos, graças a uma parceria entre o Espaço da Arte, o Núcleo Cultural de Estrela e a Secultur (Secretaria de Cultura e Turismo). De forma simbólica, 40 Segundos mostra vários tipos de agressões, especialmente o bullying virtual. A história desenrola-se quando um vídeo é colocado na rede, acabando com a alegria e a paz de uma garota, além de destruir seus sonhos. Forte, sensível, emocionante e impactante, essa montagem também é uma homenagem a todos que conseguiram enfrentar e vencer este mal.

ESPAÇO DA ARTE - O Espaço da Arte é uma associação sem fins lucrativos, fundada por Fernando Tepasse em março de 2004, na cidade de Bom Princípio. Tem como missão utilizar a arte-educação como instrumento de socialização, desenvolvimento humano e artístico, realizar projetos e ações em saúde e assistência social através da arte, criar e produzir espetáculos e eventos culturais. Já atuou em 36 cidades do RS, com oficinas de teatro e dança, para mais de 9 mil alunos, desde sua fundação. Hoje está presente em 14 municípios gaúchos, em Porto Alegre, região metropolitana, Vales do Caí, Sinos, Taquari e Serra, contando com mais de mil alunos e atuando de maneira descentralizada, em parceria com prefeituras, entidades, organizações e iniciativa privada.


Nenhum comentário:

Postar um comentário