quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Sustentabilidade é foco de pesquisas de jovens cientistas na 31ª Mostratec

Iniciativas estão reunidas no evento em Novo Hamburgo (RS), considerado o maior da América Latina para pesquisadores de ensino fundamental, médio e técnico.



Soluções sustentáveis para as cidades brasileiras estão sendo apresentadas na 31ª Mostratec – Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia, que teve início nesta tarça-feira (25/10), em Novo Hamburgo (RS), no Centro de Eventos da Fenac. O evento, considerado a maior feira do gênero na América Latina, conta com representantes de 21 países e de todos os estados brasileiros. A organização é da Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha. De todo o estado da Bahia, participam 13 projetos.

ENERGIA DE BAIXO CUSTO – Elaborado por estudantes da FAETEC Helber Vignoli Muniz, de Saquarema (RJ), o projeto Árvores fotovoltaicas com designer inspirado em Angiospermas prevalentes em cada bioma brasileiro é um dos projetos na feira. Orientadas pelos professores Aline Santos Martins e Amilcar Brum Barbosa, as estudantes Vitória Plácida Sabino de Luna e Clara Torres Cardoso desenvolveram um sistema para alimentação de residências, por meio de um sistema de geração de energia elétrica autônomo, de baixo custo, sustentável, eficiente, de fácil construção. “Nosso foco foram famílias de baixa renda, sem acesso à energia elétrica”, destaca Clara. As estudantes criaram protótipos de árvores com base na natureza, repetindo a posição dos galhos de acordo com as árvores verdadeiras para aproveitar o máximo da incidência solar nas placas fotovoltaicas.

PET PARA CARROS E CONSTRUÇÃO CIVIL - De Santa Rosa do Viterbo (SP), os estudantes Yuri Miranda Bertocco, Gustavo Balbão Santos e Artur Massaro Gonzaga analisaram o uso de barras de pet na construção civil e na indústria automobilística. A orientação foi do professor Valdir Ferretti Sobon. As barras desenvolvidas a partir da reciclagem de garrafas pet são capazes de resistir a um peso superior a 120 kg. “Produzimos o protótipo de um kart com um custo de R$ 3.700,00 e cerca de 70 kg de peso”, diz Yuri, lembrando que um veículo padrão custa cerca de R$ 20 mil e pesa aproximadamente 120 kg. “Para o protótipo, usamos 60 kg de garrafas pet”, complemente Artur, enfatizando o reuso de um material que estaria poluindo oceanos e mananciais hídricos. Eles estão pesquisam a aplicação do produto em chapas e barras de sustentação na construção civil.

As estudantes Nathália Silva Martins, Maria Izabel Cavalcante Moura e Beatriz Cerqueira Brandão de Jesus apresentam o projeto Casa Automatizada: Sistemas Inteligentes em Ambientes Residenciais Utilizando Energia Renovável. A iniciativa foi desenvolvida no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia, de Salvador, sob a orientação dos professores Andrea Cassia Peixoto Bitencourt e Justino de Araújo Medeiros.

No Amapá, foi desenvolvido o projeto Lixeira Sustentável: uma simples solução para um grande problema, da estudante Aira Beatriz Cardoso de Souza. Aluna da Escola Meta, de Macapá, ela pesquisou o reaproveitamento de resíduos de impressão gráfica (lonas, tubos de papelão e banners) como um meio alternativo para a fabricação de lixeiras sustentáveis. O projeto teve a orientação dos professores Emilson Pereira da Silva e Danielle Alessandra Pereira de Brito. A pesquisa resultou em um projeto-piloto na Escola Estadual Santa Maria (Macapá), que recebeu 20 lixeiras para uso no local e em palestras e oficinas educativas.

Adaptar uma biocobertura que permita o reuso de águas pluviais de maneira sustentável, assim como melhore o conforto térmico no interior das residências. Esse foi o objetivo dos estudantes Wesley Davi de Oliveira e Jason Felipe de Alvarenga no momento de elaborar o projeto Telhado Verde Filtrante Sustentável. Os dois estudam na Escola Estadual Newton Câmara Leal Barros, de Taubaté (SP) e tiveram a orientação da professora Enilda da Silva Morais.



A MOSTRA - A Mostratec reúne 420 projetos de jovens cientistas entre 14 e 20 anos de idade, do Brasil (de todos os estados e do Distrito Federal), Argentina, Bósnia e Herzegovina, Cazaquistão, Chile, China, Colômbia, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, Holanda, Índia, Indonésia, Itália, México, Paraguai, Peru, Portugal, Tunísia, Turquia e Uruguai. Paralelamente, ocorrem a Mostratec Júnior (para estudantes do ensino fundamental, com 220 projetos), o Seminário Internacional de Educação Tecnológica (Siet), os Jogos Mostratec, a Corrida Mostratec Sesc, o Festival Maker Mostratec de Robótica e a Feira Regional do Livro de Novo Hamburgo. A feira estará aberta ao público das 14h às 21h, entre 25 e 27 de outubro, e das 14h às 17h, no dia 28 (sexta-feira). A entrada é franca. Mais informações em www.mostratec.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário