terça-feira, 7 de março de 2017

Hoje e amanhã começam as aulas de teatro e dança do Espaço da Arte em Tupandi


Dias 6 e 7 de março reiniciam as aulas de teatro e dança do Espaço da Arte em Tupandi. Este será o 9º ano de atividades ininterruptas na cidade, sempre em parceria com a Prefeitura Municipal, através das Secretarias de Cultura, Turismo e Desporto e de Educação. A organização continuará atuando no Centro e no Morro da Manteiga, com a novidade de que as aulas de dança passam também a serem oferecidas nos dois locais, democratizando ainda mais o acesso de crianças e adolescentes. Outra novidade é a inclusão de dois novos horários de aulas de teatro, para estudantes de Ensino Médio e adultos.

A equipe de professoras ficou maior, com a entrada da monitora de teatro Cintia Orth, que irá auxiliar a professora Bianca Flôres nas aulas. Maiara Baumgarten continua sendo a responsável pela oficina de dança.  A mensalidade é R$ 20,00 e a taxa de inscrição é R$ 10,00. No Morro da Manteiga, os alunos não pagam mensalidade, somente inscrição.

Teatro
Dia 6 de março estão marcadas as primeiras aulas de teatro, que vão acontecer até dezembro, sempre nas segundas-feiras. Com o objetivo de facilitar o acesso àqueles que estudam no Ensino Médio, haverá um novo grupo especialmente para este público, que vai se reunir às 17h15, logo após o encerramento do turno escolar. Para quem trabalha durante o dia e quer experimentar o teatro, este ano o grupo Quebrando Gelo, composto por adultos, estará aberto a novos integrantes que tenham a partir de 18 anos. As atividades iniciam às 19h30. “As aulas serão momentos de diversão, relaxamento, novos conhecimentos e amizades. Além disso, o teatro trabalha a desinibição, expressão corporal, concentração, que podem se tornar diferenciais na vida pessoal e profissional”, explica a professora Bianca.

O Centro de Cultura  vai abrigar cinco grupos de teatro abertos à comunidade, sem pré-requisitos para participar, além de se adequar às faixas etárias estipuladas. As crianças de classe infantil ao 2º ano, que estão no Contraturno, terão aulas das 8h15 às 9h15. O próximo grupo, com alunos de 3º ao 5º ano, vai se reunir das 9h30 às 11h. A tarde serão mais dois grupos: 13h15 às 14h45, com adolescentes de 6º ao 9º ano, e das 17h15 às 18h45, para o Ensino Médio. Os adultos terão encontro das 19h30 às 21h30.  Na Escola Padre Balduíno Rambo, no Morro da Manteiga, o horário do teatro é das 15h15 às 16h45, com os estudantes do Contraturno.

Dança

As aulas de Dança Contemporânea também serão no Centro de Cultura, nas terças-feiras, a partir do dia 7 de março, em três horários: 9h30 às 10h30, para crianças de 1º ao 5º ano, 11h50 às 13h, destinado a adolescentes de 9º ano e Ensino Médio, e 13h às 14h15, com alunos de 6º ao 9º ano. As crianças do Morro da Manteiga terão aulas das 14h30 às 15h30, na Escola Padre Balduíno Rambo. 

O trabalho da professora Maiara, tanto com crianças quanto com adolescentes, busca ensinar diferentes técnicas de dança contemporânea, a partir de ensaios de sequências coreográficas, exercícios de memorização, técnicas de força e giro, postura, entre outros, além de proporcionar o desenvolvimento da consciência corporal, através exercícios de alongamento, equilíbrio, coordenação motora, flexibilidade, potência muscular, fisiologia e agilidade.

“O aluno é convidado a entender seu corpo como um sistema de novas possibilidades, tanto gerador de movimentos básicos quanto produtor criativo e expressivo. Para os pequenos, as aulas são bem lúdicas, com atividades que parecem brincadeiras, fazendo com que se sintam livres para criar”, relata a professora Maiara, que está cursando a faculdade de Graduação em Dança – Licenciatura pela UERGS, de Montenegro.

ESPAÇO DA ARTE - O Espaço da Arte, associação sem fins lucrativos que transformou cultura em instrumento de educação, socialização e bem-estar, inicia 2017 comemorando ter ultrapassado a marca de 10 mil alunos de teatro e dança em 13 anos de história. Pioneiros no Rio Grande do Sul em oferecer oficinas de teatro e dança descentralizadas, o Espaço da Arte já chegou a 38 cidades desde 2004, e neste ano já tem atividades confirmadas em 12 municípios.


O propósito do trabalho da organização é utilizar a arte como forma de transformar a vida das pessoas. Nesse eixo se integram todas as ações desenvolvidas pela entidade. “É uma visão global daquilo que a arte pode oferecer nos mais variados níveis de educação e desenvolvimento humano. É utilizar a arte para promover reflexões, mudanças de paradigmas, conscientização. É isso que as entidades com as quais temos parcerias procuram no Espaço da Arte, e é isso que diferencia a nossa metodologia”, destaca Fernando Tepasse, diretor executivo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário